O vestido mágico

Ontem aconteceu em Nova Iorque o badalado Met Gala, evento beneficente organizado por Anna Wintour, que doa o lucro dos convites para o Metropolitan Museum of Art’s Costume Institute.

Neste ano, o tema do baile foi Manus x Machina: Moda na era da tecnologia, e provavelmente o vestido que o melhor retratou foi o escolhido por Claire Danes.

No red carpet o belo vestido azul claro de Zac Posen fez com que a atriz parecesse uma Cinderella moderna, mas o look guardava uma surpresa.

claire-danes-vestido-zac-posen-met-2016-ocabide-2

O vestido era completamente iluminado e brilhava no escuro! Feito em uma organza tecida com fibra ótica e com 30 mini baterias escondidas no forro o vestido acendia, o efeito não apareceu no red capert mas o estilista fez alguns registros mostrando o resultado final:

Um vídeo publicado por @zacposen em

Uma foto publicada por @zacposen em

Esse é um ótimo retrato da maneira experimental como o estilista aborda a moda.  Zac Posen declarou: “Nós fizemos o tecido sob medida, porque eu queria algo que tivesse uma certa transparência, e que conseguisse parecer iluminado”.

E ainda que o destaque do vestido fosse a iluminação, não podemos deixar de notar a dedicação do estilista para outros detalhes, como o corte, o caimento e até o acabamento sem costura, que faz o vestido parecer ainda mais estatuesco.

 

Incrível, não?

 

*fotos: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Wishlist plus size: Best Size

Voltei com mais uma lista de desejo, o cartão de crédito de vocês deve me adorar né? =p

Acontece que eu tenho amado algumas coisas que vi no Instagram da multimarca Best Size, tanto que acabaram virando wishlist.

Vocês já estão cansados de saber que eu AMO fazer wishlists, acho que é uma etapa muito importante de qualquer compra que eu faço, pois é assim que avalio cuidadosamente cada produto, como eu o usaria e por último, mas não menos importante, se eu realmente preciso comprar tudo o que estou querendo!

Tá vendo? Fazer wishlists pode ser um hábito saudável, além de render uns posts bacaninhas onde vocês podem conhecer melhor algumas marcas e lojas.

Dá uma olhada no que eu achei por lá:

Vestido Esmerald Garden – Vestido fofinho para usar com Converse ou Melissa em dias quentes!

wishlist-best-size-plus-ocabide

 

Vestido Doll – Preciso falar alguma coisa sobre essa lindeza?

wishlist-best-size-plus-ocabide-2

 

Vestido Suave Intentions – Para mim esse vestido tem cara de date night, dá para fazer um look mais natural e boho ou misturar com outros elementos e ficar mais rock’n’roll (que tal um colete jeans e um par de ankle boots?) tudo isso com muito charme e delicadeza. <3

wishlist-best-size-plus-ocabide-3

 

Macaquinho Have Fun – Para curtir um final de semana entre feiras, exposições e um filminho com as amigas!

wishlist-best-size-plus-ocabide-4

 

Saia Skater – Para mim é uma saia para qualquer ocasião, mas se você não se arrisca a usar couro no dia a dia essa saia vai ser peça chave para festas e happy hours.

wishlist-best-size-plus-ocabide-5

 

Short Fersoza – Depende do seu estilo, esse shorts pode ser coringa nos dias de correria, mas os acessórios e maquiagem certos dá para ir com ele para a balada tranquilamente.

wishlist-best-size-plus-ocabide-6

 

A Best Size conta ainda com uma seleção de lingeries e moda praia que vale a pena conferir!

 

*imagens: reprodução

 

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Vestido de madrinha

Se vocês nos acompanham no Instagram ou no Twitter já devem ter percebido que eu tenho passado muito tempo na região da rua 25 de março ultimamente. O motivo é mais do que especial, meu irmão está prestes a se casar e assim como eu deixo todos os detalhes mais importantes do O Cabide (e todos os meus outros projetos) na mão dele, ele deixou os detalhes do seu dia especial sob meus cuidados!

Além de correr loucamente para criar uma decoração criativa e on a budget eu finalmente arrumei um tempinho para correr atrás de outro detalhe, MEU VESTIDO!

Sou madrinha do noivo (já contei isso nesse post aqui, sobre minha meta de perda de peso para o casamento), e todas as madrinhas vão usar a mesma cor, azul Klein. Eu gosto da cor, fiquei feliz com a escolha da noiva, mas antes de mandar fazer meu vestido (eu quis algo sob medida para ter mais a minha cara e para se adequar melhor a minha situação, ou seja, um corpo que tem perdido bastante peso) eu precisava de referências! Procurei criações de alguns designers que me agradassem por causa do estilo, por se adequarem a situação ou simplesmente por serem lindos. Vamos dar uma olhada?

Lembrando que o casamento será em Maio, portanto pode estar um pouco frio, será a noite e tanto a cerimônia quanto a decoração da festa serão bem contemporâneas!

Sou muito fã do trabalho do estilista Prabal Gurung, acho que suas coleções tem uma elegância descolada e ultra moderna, então escolhi dois vestidos de duas coleções diferentes que seriam perfeitos para esse tipo de ocasião:

Madrinha de casamento

Resort 2013

Madrinha de casamento

Resort 2014

Se você der uma olhada nos desfiles de Elie Saab você vai ver que não só vai encontrar um vestido para cada situação, como também vai encontrar um vestido para cada momento da sua vida. Das fases mais femininas e delicadas as mais minimalistas e austeras. Eu sempre encontro algo para mim quando pesquiso entre os desfiles desse estilista e ele já serviu como referência para outras situações marcantes da minha vida. Eu escolhi dois vestidos completamente diferentes, porém da mesma coleção, um é mais romântico e tem uma pegada mais boho e o outro é totalmente clean.

Madrinha de casamento

Madrinha de casamento

primavera/2014 ready to wear

Uma das celebridades que tem sido mais interessante acompanhar a evolução nos red caperts atualmente é a Emma Watson, que definitivamente não tem medo de arriscar e tá sempre linda! Eu escolhi esse look do Oscar desse ano, em que ela usava um vestido Vera Wang. Achei uma forma interessante de trazer brilho de forma sutil para um vestido longo. Eu não consigo usar nada com muito brilho, então talvez um tecido com um brilho sutil em sua trama seja a solução.

Madrinha de casamento

Audrey Hepburn é referência eterna de estilo e, principalmente por estar com os cabelos über curtinhos, estou querendo muito aquele look do Oscar 1954, com o vestido Givenchy, sabe? Para adaptá-lo eu mudaria o volume da saia e a cor, mas manteria o corte e o cinto, ficaria incrível! Ele também ficaria lindo em um cumprimento midi.

Madrinha de casamento

Fui buscar inspiração no Pinterest, que tem sido meu guia para a decoração da festa, e lá eu vi algumas imagens que fizeram eu me lembrar de um detalhe super importante: o vestido deve ser versátil e confortável, pois com certeza minha noivinha amada vai precisar da sua madrinha na função quebra galhos durante toda a festa!

Madrinha de casamento

Eu já tinha certeza de que ia usar brincos imensos para o casamento antes mesmo de ver os acessórios da Juliana Manzini de perto, agora que vi e estou apaixonada por todos eles só me falta conseguir escolher um par! Você pode adquirir peças da marca na Farfetch e na OQVestir.

Madrinha de casamento

Eu estou super ansiosa para o casamento, vou chorar LITROS no altar, sem sombra de dúvidas! Vou tentar levar minha câmera para fazer umas fotos da decoração e da noiva, que escolheu um vestido tão lindo que eu comecei a chorar já na primeira prova! hehe!

Vocês tem alguma sugestão para o look das madrinhas? Comentem!

*imagens: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Marri Gattô

Como vocês já sabem, estive na última edição do Fashion Weekend Plus Size e além de ter amado o evento me apaixonei por vários modelitos. Particularmente fiquei encantada pela coleção desfilada pela marca Marri Gattô, despojada e atual, foi quem levou mais informação de moda para a passarela com sua coleção inspirada na cidade de São Paulo.

A cartela de cores tinha variações lindas de azuis, laranjas, bordô, rosa e verdes. As estampas evoluíam de forma orgânica, junto com looks super democráticos. Na Marri Gattô pode tudo, saia rodadinha ou lápis, macacão e calça skinny, curtos e longos, fendas e decotes. Sem regra e sem limite, para todo tipo de mulher. Mesmo!

Dá uma olhada no desfile:

Por quê eu só fiz esse post agora?

Vocês sabem que eu ando desanimada com o guarda roupa, e esses dias fiquei pensando, onde foi que eu me senti inspirada para me vestir pela última vez, e os looks dessa marca me vieram em mente.

Meus looks preferidos da coleção Inverno/2014 Marri Gattô por Renata Poskus:

Marri Gatô por Renata Poskus

Marri Gatô por Renata Poskus

Para saber mais sobre a a marca e sobre pontos de venda CLIQUE AQUI!

*imagens: Thaysa Wandeur

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Forever 21 Brasil

“A angústia gerada por um lançamento pode transformar as pessoas, dali surgirão várias versões de um mesmo eu, mas ninguém se importa. A noite é única e a busca por cabides é voraz, uns sobre os outros, como se ali houvesse qualquer tipo de exclusividade. Não tem.

Ninguém se importa.

O cheiro do novo seduz e até quem tem os conceitos mais comedidos do que é estar na moda acaba caindo na dança, enfrentado filas e se acotovelando em cima de araras recém preenchidas.

Na fila do provador, olhando por cima dos ombros das centenas de pessoas a minha frente me sentia em um cenário surreal, tive que respirar fundo algumas vezes para me situar de onde estava e porque estava ali.

A Forever 21 chegou e as brasileiras não souberam conter a paixão platônica que mantiveram durante anos pelo fast fashion que vai reiventar o conceito de lojas de departamento no Brasil. “

Forever 21

Estive ontem no soft opening da loja de origem americana, depois de ter sua inauguração sido adiada por algumas vezes alguns membros da imprensa e convidados puderam fazer comprinhas em primeira mão. Além de uma moda mais ligada em tendências vindas da rua, ao invés de grandes bureaux de moda (adeus,  xadrez vermelho e preto!),  os preços eram muito convidativos e atendeu à expectativa de todos, inclusive daqueles que já consumiram a marca em outros países.

A correria e a loucura da inauguração não permitiu que a experiência de consumo fosse completa, mas pude avaliar de perto algumas peças, entre elas os acessórios, que achei de qualidade decente e excelente custo benefício, a peça mais barata que encontrei custava R$5,90 e a mais cara custava R$34,90. O mix de produtos era imenso, e já sabemos que não estava tudo exposto lá, os tecidos e estampas também eram bem dignos, outro ponto positivo para a marca.

#forever21brasil 😍

A post shared by O Cabide por Nic Duarte (@ocabide) on

Senti muita falta dos calçados, que pelo que ouvi dizer vão demorar um pouquinho mais para chegar por conta de problemas nas transações de importação, também não vimos sinal dos produtos plus size, mas dizem as boas línguas que eles devem chegar em breve, assim como a linha Faith 21, que é voltada para um público mais maduro (25 a 35 anos). A linha masculina só será vendida no Rio de Janeiro (a loja carioca inaugura no dia 22/03), dentre os vários burburinhos que ouvi por lá também fiquei sabendo que algumas das peças que esgotaram durante o soft opening não terão reposição, já que o estoque da loja é limitado afim de garantir a rotatividade.

As araras da Forever 21 sempre serão cheias de novidades, as mudanças ocorrerão todos os dias, a equipe é fofa e mesmo na correria conseguiu atender a todos com um sorrisão estampado no rosto, eu teria ficado mais feliz se as condições de pagamento fossem um pouquinho melhores, mas deu para fazer um belo estrago mesmo assim!

Forever 21

A loja abre para o público nesse sábado, 15/03 às 10h00, no Morumbi Shopping em São Paulo, com direito a corte de faixa e um presente exclusivo para os primeiros 500 clientes.

Até o fim do ano, a rede pretende abrir um total de sete lojas no Brasil, como já dito no dia 22 de março haverá a abertura da loja no Village Mall, no Rio de Janeiro. Em seguida devem inaugurar lojas em Ribeirão Preto (em abril) e Brasília (data a definir), depois disso mais uma loja em São Paulo (lá ouvi boatos de que seria uma loja de rua) e mais uma no Rio Janeiro, por fim uma loja em Porto Alegre.

Algumas pessoas metem o pé na jaca com comida, eu com certeza meto o pé na jaca com comprinhas!

*imagens: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.