BEDA #29 – Clássicos da maquiagem

No mês passado a Urban Decay anunciou que vai descontinuar a produção da paleta Naked, a primeira de uma série que continuaria fazendo sucesso e ganhando 9 versões ao longo dos últimos 8 anos, sendo a Naked Petite Heat (versão compacta da Naked Heat) a mais recente.

Eu particularmente nunca me interessei pela primeira versão da Naked, provavelmente porque costumo dispensar tons neutros na maquiagem, e mesmo agora que sei que ela vai sair de linha me questiono se vale a pena investir nela em uma ou não.

Mas pensar sobre a possibilidade de comprar ou não essa paleta me fez pensar sobre alguns dos produtos que se transformaram em clássicos da maquiagem e nunca deixaram de ser cobiçados. São tantas coisas que trazem nostalgia do início do boom da maquiagem na internet e são tantos produtos que se tornaram tão indispensáveis na nossa rotina a ponto de mesmo com a histeria dos lançamentos no mundo dos cosméticos, eles nunca deixaram de ser vendidos.

Esses são alguns deles:

Fix + – MAC

Foto: @maccosmetics

O Fix + é aquele tipo de produto que se você não tiver, não vai sentir falta, mas se tiver vai fazer toda a diferença. Ele não é o melhor spray primer, mas garante um viço a pele, principalmente para quem usa bases muito matte. Se você quiser fazer efeito foil em uma sombra com água, com certeza vai ter um bom resultado, mas verá que com o Fix + além do efeito ser mais potente a duração é melhor.

É o tipo de produto para quem realmente curte maquiagem, sua fórmula inclui glicerina, ingrediente que ajuda prolongar a duração da base, independente da sua fórmula, também arrasa quando usado para assentar o pó.

Recentemente a MAC lançou novas frangrâncias (coconut, lavander e rose) e as versões Pinklite e Goldlite, que são iluminadores.

Mas o lançamento que me deixou mais empolgada foi a versão matificante, que sempre foi muito aguardada pelos fãs da marca.

R$120 (normal)
R$135 (pinklite e goldlite)
R$159 (matte)

Corretivo Tracta

Foto: Divulgação

Um verdadeiro clássico da maquiagem nacional, sempre foi o queridinho de youtubers e blogueiras e já foi comparado com corretivos gringos como o Creamy Concealer da Nars. Depois de toda a hype em torno do corretivo, a Tracta finalmente lançou a versão matte. Mas é claro que a versão original continua à venda!

Eu amo, mas não é meu preferido, além disso acho que a cartela de cores pode melhorar.

R$29,10 (normal)
R$18 (matte)

Ruby Woo – MAC

Foto: @maccosmetics

R$79

Durante muitos anos o Ruby Woo foi visto como o batom vermelho perfeito e foi referência para a criação de vários dos nossos vermelhos preferidos até hoje. Como eu já disse, é um batom que eu não curto, mas não tem como negar que é um clássico, até porque ele ficou por muito tempo como um dos produtos mais vendidos da MAC.

Hoola – Benefit

Foto: Elite Daily

Os boxed powders da Benefit sempre foram queridinhos, não só pela embalagem inovadora, mas por suas cores únicas. Quando Hoola foi lançado ele automaticamente se tornou queridinho das youtubers gringas, sua cor, nem tão quente, nem tão fria, permitia que ele fosse usado no lugar do contorno, para dar definição ao rosto. Recentemente a Benefit lançou a versão lite (para peles claras), além de versões líquida e em bastão.

Não tem como negar seu status como um clássico, mas eu nunca usei, na verdade um dos meus bronzers preferidos é o também clássico Délice de Poudre Peaux Mates, com cheirinho de chocolate, da Bourjois.

R$159

Máscara Colossal – Maybelline

Foto: Divulgação

Quem mais lembra vividamente do borburinho em torno do lançaamento do Colossal. A Maybelline lançou uma máscara pontente e com preço acessível que deixava os cílios bem pretos, bem definidos e com muito volume. Tive mais de um tubo, depois comecei as usar os outros lançamentos da marca. Até hoje não conheço um demaquilante que tire tudo quando se usa Colossal a prova d´água.

R$30,50

Mary-Lou Manizer – The Balm

Foto: Divulgação

Esse foi o produto que abriu as portas para a boom dos iluminadores como conhecemos hoje. Antes o iluminador tinha espaço de forma discreta em nossa maquiagem, depois de Mary-Lou passamos a ver as redes sociais inundadas pelo brilho cegante dos iluminadores de marcas como MAC, Anastasia e mais para frente, marcas nacionais como a Ruby Rose.

R$109,60

Paleta 30 cores – Catharine Hill

Foto: Beleza na Web

Essa paleta sempre foi queridinha por maquiadores profissionais, mas caiu no gosto das youtubers por ser um produto fácil de achar e que permitia a criação de looks mais complexos. Ele existe há muitos anos e para amantes de maquiagem que curtem makes mais elaboradas e coloridas, continua sendo uma boa aquisição.

R$128,40

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Resenha: Máscara Kerium Hidratante Reparadora

Eu conheci a Máscara Kerium Hidratante Reparadora da La Roche quando ainda estava com os cabelos compridos, era o produto que mais ajudava a manter meus cachos soltos.

Essa é uma excelente máscara para quem quer algo para cuidar dos fios no dia a dia, sem muita cerimônia. Não tem parabenos, não tem silicone, tem aloe vera, manteiga de karité e água termal na composição, além de uma fragrância maravilhosa!

mascara-capilar-kerium-laroche-resenha-ocabide-2

Vale dizer que essa é uma máscara para hidratar fios ressecados, se você precisa de nutrição ou reconstrução, esse produto pode não atender as suas necessidades.

mascara-capilar-kerium-laroche-resenha-ocabide-5

O fabricante sugere dois tipos de aplicação, a rápida (que dura 3 minutos) ou o tratamento intensivo (cujo o tempo de ação é de 20 minutos), ambos podem ser feitos no banho após o shampoo. Eu fazia apenas a aplicação rápida, uma vez por semana, as vezes uma vez por quinzena, e sentia que os fios ficavam muito sedosos e que com o tempo a textura dos fios foi melhorando, assim como o brilho que era mais evidente.

mascara-capilar-kerium-laroche-resenha-ocabide-3

Conforme meu cabelo foi encurtando passei a usar cada vez menos a máscara e depois que raspei o cabelo não faria muito sentido continuar aplicando (ou assim eu achava), então ela ficou encostada.

Dia desses me deparei com ela no armário e decidi conferir a validade para ver se jogava fora ou se minha mãe tinha interesse em testar. Acabei lendo as propriedades e me deparei com algo que me interessou muito, essa máscara também trata o couro cabeludo.

Quem leu a minha resenha para o Shampoo Sólido da Lush sabe que eu tenho o couro cabeludo ultra sensível, vivo tratando dermatites, lido frequentemente com descamações, queda (sim, mesmo com o cabelo raspado) e feridas doloridas.

lush-shampoo-solido-ocabide

O Shampoo da Lush foi um verdadeiro salvador, mudou complemente meu couro cabeludo, mas ele acabou (durou quase 4 meses!) e como estou sem grana estou usando outro shampoo, e meu couro cabeludo ficou todo zoado de novo!

Decidi aplicar a máscara mesmo com a cabeça raspada para ver se o efeito de hidratação ajudaria na descamação e ajudou MUITO!

Os fios já estavam mais compridinhos porque eu andava com preguiça de cortar o cabelo, então fiz duas aplicações rápidas na mesma semana antes de cortar. Posso dizer que facilitou muito o processo, geralmente tenho um pouco de dificuldade em raspar o cabelo porque meu couro cabeludo é sensível e pode até ser um pouco dolorido, mas depois de usar a máscara o processo foi mais rápido, não doeu, não descamou e não tive nenhuma irritação.

Eu achei que o couro cabeludo ficaria oleoso – no meu caso mais oleoso ainda, porque oleoso ele já é – por se tratar de uma máscara hidratante, mas não ficou.

Isso serve de lição para quem acha que quem raspa os cabelos não precisa ter mais cuidados com os fios que sobram e com a pele que fica exposta (no meu caso fica exposta por que eu gosto de ficar bem carequinha mesmo).

Mas quem tem cabelos curtos ou curtíssimos tem uma vantagem, imagina quanto tempo essa máscara ainda vai me durar? <3

Fiz uma linha do tempo do meu cabelo, dos cachinhos até a careca:

mascara-capilar-kerium-laroche-resenha-ocabide
2013, 2014 e 2016

Camaleoa? Não sei.

Mas como já disse muitas vezes, realmente só encontrei minha beleza depois que raspei.

Fiz um post super bacana quando raspei explicando como cheguei a essa decisão, já leu? Tá aqui ó!

*imagens reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Wishlist: Maquiagem

Não teve wishlist terça e quarta por motivos de: blogueira com febre e dor de garganta. Mas estou de volta e as wishlists que fiquei devendo nestes dias vão ser publicadas durante o final de semana. Ou seja, vai ter post todo dia até o nosso última dia de atividade deste ano!

A wishlist de hoje tem como tema algo muito próximo do meu coração: MAQUIAGENS.

Se vocês seguem O Cabide no Instagram já deve saber que eu sou viciada em batons e vivo enfiando o pé na jaca nas perfumarias do mundo afora (inclusive fiz isso hoje e em breve deve ter por lá uma foto das comprinhas que fiz), nós até temos um espaço reservado especialmente para maquiadoras e amantes de maquiagem.

Dito isso, confiram minhas escolhas, para se inspirar na hora de presentear e se derreter se for presenteada!

Meet Matt(e) Nude

Meet Matt(e) Nude

Eu adoro a The Balm, até hoje não experimentei nada da marca que não tenha gostado. Eu ando querendo essa paleta matte faz tempo, desde que num instinto whovian vi que o nome de uma sombras, que tem como tema o nome Matt (Meet Matt), foi batizada de Matt Smith. Esse é um motivo bobo para querer uma paleta? Sim. Mas o que é a vida sem caprichos? Além do mais, é claro que eu também quero a paleta porque sei que vou usar muito, as cores são atemporais e sempre úteis em um kit de maquiagem.

Teint Idole Ultra 24H Lancôme

Teint Idole Ultra 24H Lancôme

Mesmo que eu ame batons, minha parte preferida da maquiagem é a base. O poder de transformação que ela tem e a o quanto ela me ajudou a superar os meus problemas com a acne fazem da base um item essencial no meu kit, e com certeza é onde eu acho eu acho que vale investir em produtos mais caros e de marcas prestigiadas. A Teint Idole está na minha lista faz tempo, trata-se de uma base leve, de longa duração e acabamento natural que parece ser a queridinha de muitos. Tenho certeza que comigo não será diferente!

Glow Maximizer Light Boosting Primer

Glow Maximizer Light Boosting Primer

Se a base é minha parte preferida da maquiagem, tudo que envolve, melhora ou prolonga sua duração também faz parte do ritual e da minha crescente lista de desejos para produtos voltado à pele. Eu costumo usar bases de alta cobertura e acabamento matte, mas faço o que posso para que essa combinação não fiquem pesadas em meu rosto. Para isso conto com a ajuda de bons pincéis, bons primers e bom finalizadores. No que se diz respeito ao primer eu sempre dou preferência para os que tem característica iluminadora, que são perfeitos para deixar a pele com um aspecto mais natural, e é exatamente que esse primer promete.

Cream Blush Yves Saint Laurent

Cream Blush Yves Saint Laurent

Para o dia a dia eu prefiro usar blush cremosos, essa é uma ótima forma de parecer a pele parecer mais saudável, fresca e natural. Eu achava difícil de aplicar, mas vendo os vídeos da Lisa Eldridge (uma dos meus ídolos da beleza na Internet) aprendi não só a compreender melhoras as características deste tipo de produto, como também preferir o visual que eles oferecem.

Perfect Foundation Brush Shiseido

Perfect Foundation Brush Shiseido

Esse pincel da Shiseido já foi copiado por muitas marcas e dizem que é um dos melhores do mundo para aplicar qualquer tipo de base. A possibilidade de isso ser balela é real, mas e a curiosidade?

Qual item de maquiagem está na sua wishlist de Natal?

Não se esqueça de seguir O Cabide no Instagram para acompanhar as ilustrações enviadas por nossos leitores, comprinhas, swatches e algumas piadas quase engraçadas: http://instagram.com/ocabide

*imagens: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Limpeza de pele

A luta contra pele oleosa eu venci, de verdade! Os tratamentos a base de óleo mudaram a minha vida e acho que nunca mais vou deixar de usar. Mas a luta contra a acne, bom, aí já são outros quinhentos.

A oleosidade pode ser causada por fatores ambientais, pela forma como você limpa sua pele, pelo que você come e até pela maneira como lava suas toalhas e lençóis. Já a acne, que também pode ser causada por esses fatores, pode ainda ser causada por hormônios e pelo uso de medicações, que é o meu caso.

Controlar acne causada por fatores hormonais ou causadas por efeito colateral de remédios é mais difícil, e não vai ser qualquer tratamento que vai ajudar. No máximo teremos ações paliativas, que vão diminuir ou desinchar, prevenindo marcas mais permanentes.

Outro dia, meio chateada por duas espinhas grandes, doloridas e inchadas na bochecha resolvi dar um trato na pele, para ver se pelo menos assim a maquiagem cobriria de maneira mais eficiente essas marcas.

Comecei com um esfoliante (o que eu uso sempre e considero mais eficiente), usei um pouco de água quente para abrir os poros e extraí alguns pontos pretos (com um extrator, se você for fazer isso com as mãos, proteja as unhas com gaze ou algodão), em seguida apliquei uma máscara de pepino gelada para contrair os poros, depois do pepino apliquei uma máscara de argila, e eu acredito que ela tenha sido essencial para que eu atingisse o resultado que atingi, a acne suavizou e até o dia seguinte já estava cicatrizando e a pele ficou macia e uniforme.

A máscara de argila que eu uso é incrível, mas eu ganhei de uma esteticista e não sei o nome (sorry!), então pesquisei algumas marcas que oferecem produtos similares para sugerir pra vocês:

Máscara Facial De Argila Preta Panvel Spa Relax

A máscara de argila preta da linha Spa Relax da Panvel promete acalmar, nutrir e rejuvenescer a pele, além de hidratar usando ingredientes orgânicos e sais minerais, o que evita que a pele fique oleosa. Além disso é livre de parabenos, petrolato e não tem cheiro. Preço: 15,92

Nativa SPA Argiloterapia Máscara Facial Purificante

O site do Boticário não dá muitas informações sobre os benfícios dessa máscara, mas até onde eu pude entender ela é excelente para hidratar a pele, tanto as oleosas quanto as secas, dependendo apenas da frequência de uso. Isso pode significar que esse é um produto que pode te auxiliar a atingir um equilíbrio na textura da sua pele. Preço; R$ 33,99

Máscara Verde Body Store

Eu amo os produtos do Empório Body Store, e sinto que essa máscara não será diferente, nas lojas vocês encontrarão uma variedade de máscaras de argila que atendem a tipos diferentes de pele, eu acredito que a Máscara Verde seja a mais adequada para quem tem pele oleosa e acneica: “A Máscara Verde é ideal para peles oleosas ou com tendências a oleosidade. A argila que dá base ao produto tem poder adstringente, limpa e seca a pele, sem desidratá-la.” Preço: R$ 89,90

Máscara Facial de Argila Segredos de Camarim

A máscara de argila da marca Segredos de Camarim, produzida pela Feito Brasil, parece ser promissora, além de ser totalmente orgânica é livre de álcool e tem efeito secativo. Ela conta com Proteínas de Soja e Trigo associadas ao Extrato de Aveia para deixar a pele macia, Água Floral de Camomila para acalmar e sua fragrância vem do extrato aromático de chá verde. Preço: R$ 42,00

Máscara Hidratante Purificante com Argila Branca Jequiti Fases


A máscara de argila branca da Jequiti promete limpar as impurezas da pele, melhorando a textura e a luminosidade, pelo custo benefício prefiro comprar a da Panvel. Preço: R$ 44,80

A argila é um componente de origem mineral, coletada diretamente do solo, composta por alumínio (óxido de alumínio), sílica (óxido de silício) e água, e é queridinha em tratamentos estéticos há anos, já que suas propriedades favorecem peles de todo tipo, principalmente para nós que temos a pele oleosa e acneica.

Alguns de seus benefícios:

  • Clareia a pele
  • Esfoliação
  • Absorve toxinas e impurezas
  • Estimula cicatrização
  • Estimula circulação
  • Elimina a oleosidade
  • Elimina bactérias
  • Tem efeito calmante.
  • Suaviza e amacia a pele
Mesmo que você não vá fazer a limpeza completa em casa, a máscara de argila irá mostrar resultados e será uma grande aliada na sua rotina de pele, acredite!
*imagens: reprodução
Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Carine

Em uma de suas parcerias mais fashionistas a MAC lançou uma coleção criada por ninguém menos que Carine Roitfeld.

MAC Carine Roitfeld

Algumas imagens dos produtos já estão rodando na rede para atiçar as viciadas em moda e maquiagem.

MAC Carine Roitfeld

A coleção conta com vários produtos que ajudam a criar o olho esfumaçado, muito usado pela ex-editora da Vogue Paris.

MAC Carine Roitfeld

Um reflexo do estilo de Carine, a coleção que ela criou é recheada de produtos básicos e muito usáveis, as cores são sóbrias e as embalagens são minimalistas.

*imagens: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.