BEDA | Comemorando o aniversário da Chanel !

Olá pessu! Tudo bão com vocês?  Aqui está tudo na paz! Na verdade, em festa!! Porque hoje é aniversário da minha estilista preferida do world! Gabrielle Bonheur Chanel, nasceu nesse belo dia de agosto em 1883!

Para comemorar vou conversar com vocês sobre os meus livros preferidos sobre a vida dela!

Bora lá!

 

IMG_4862

1 – A era Chanel

Edmonde foi um dos amigos mais próximos da Chanel! Essa biografia é tão linda e completa que os produtores de Coco avec Chanel a usaram como referencia!

Com imagens raras e de alta qualidade essa biografia nos conta desde o conceito histórico da França até como toda uma sociedade foi moldada através da Chanel.

2 – Coco Chanel – A vida e a Lenda

A Justine é uma fofa, acompanho ela pelo youtube! Ela é professora, escritora e pesquisadora. Ou seja, adora saber da vida dos outros. De um jeito bem narrativo ela conta a vida da Chanel intercalando o passando com o presente. Uma leitura super gostosa, além de imagens bem interessantes.

3 – O Segredo do Chanel número 5

Esse é pra quem se interessa pelo perfume! É fantástico! Um dos livros que eu aprendi mais sobre a Chanel. Ver a vida dela através do perfume mais famoso da história é sensacional!

4 – Coco e Igor Stravinsky

Para você que acha que moda e música não andam juntas, pasmem! Uma das composições mais famosas do mundo clássico: A Sagração da Primavera, não existiria se não pela Chanel!
Isso mesmo! Chanel tinha amizades muito influentes e em meados de 1920 já estava formando uma grande fortuna, começou a andar com o pessoal do Teatro, onde conheceu o compositor Stravinsky, o qual era pobre e não tinha ninguém para financia-lo. Chanel foi com a cara dele e de sua música e vòila! Esse livro conta a história do caso que eles tiveram e como a influência dela mudou a forma dele compor.

5 – Diferente como Chanel

No Livro de Provérbios, somos instruídos a educar as nossa crianças no caminho do Senhor. Aqui vai a dica para você que quer uma filha (o), lendo sobre a Chanel, tipo EU!  Super fácil de ler, com ilustrações em aquarela de morrer, esse livro é tanto para adultos quanto para crianças! Eu li na livraria mesmo de tão rapidinho e já me apaixonei!
Ah, ele ainda tem uma mensagem bem legal para as crianças, como vale a pena você ser diferente, mesmo em um mundo cheio de padrões! A Chanel foi diferente na época dela e cresceu se destacando por causa dessa diferença! Super fofo!

6 – Dormindo com o Inimigo

Polêmico. Quando soube que esse livro iria lançar no Brasil, fiquei muito brava! Sabia que teria um monte de pseudo algo, dizendo que a Chanel era nazista. Comprei com raiva, comecei a ler com raiva e depois achei fantástico! Que pesquisa! O livro tem um contexto muito além da Chanel. Foi bem legal saber mais sobre o nazismo e principalmente, a construção da moda nesse tempo.
Continuo convicta de que a Chanel não era nazista, vai de você ler.

7 – O Evangelho segundo Chanel

Adoro esses livros! Sério! Tenho aqui em casa vários nesse tipo, Jane Austen e os conselhos para casamento, me divirto. Esse tem essa proposta, diversão. Com uma narrativa bem fácil, o livro conta um pouco da história dela e dá dicas sobre vários assuntos, amor, casamento, moda e etc; tudo na visão da Chanel.

Bem, é isso pessu! Post gigante, tentei ser super comedida, mas sacomé sou fã!

Se você gostou de algum em especial e quiser saber mais, comenta aqui! Ou se quiser ver algum por dentro, imagens e etc, comenta também e me segue no insta @itsmejessicalopes que mostro procês lá!

Beijão

 

*imagens: reprodução

**Saiba mais sobre o BEDA

badge_post_01

Jessica é formada em moda, tem uma tatuagem da Chanel e quer se casar com o Mr. Darcy. Aqui ela vai escrever sobre os livros que lê e que você pode se interessar e ler também!

7 fatos que você desconhecia sobre Coco Chanel

Hoje a lendária estilista Coco Chanel completaria 131 anos, e é conhecida até hoje por ter mudado o mundo da moda com seu estilo inovador, sempre a frente de seu tempo.

Devemos admitir que Mademoiselle Chanel também deve ser reconhecida por sua biografia um tanto quanto interessante, unidos ou separados, os fatos de sua vida contam uma história fascinante.

Por causa do seu aniversário, muitos artigos pipocaram hoje na internet, para mim um deles se destacou e eu decidi trazê-lo aqui para os meus leitores cabideiros.

A sessão de estilo do Huffington Post listou os 7 fatos mais curiosos sobre a vida e carreira de Coco Bonheur Chanel, que você provavelmente desconhecia. Eu devo admitir que mesmo depois de já ter lido alguns livros, visto os filmes e a minissérie, eu realmente desconhecia alguns itens dessa lista!

Dá uma olhada:

1. As freiras

Coco aprendeu o ofício da costura com as freiras de Aubazine Abbey, o orfanato onde ela cresceu.

2. Cantora

Antes de costurar, Chanel (na época conhecida como Gabrielle) cantava no La Rotunde e outros cafés parisienses. Foi a música “Who has seen Coco in the Trocadéro?” que a fez ganhar o apelido de “Coco”.


3. Caso de amor com o nazismo

Durante a Segunda Guerra Mundial, Chanel foi ligada ao oficial de inteligência Baron Hans Günther von Dincklage, um notório espião alemão. Existem até hoje rumores de que Chanel também tenha sido uma espiã.


4. Meu perfume

Chanel No. 5 é um clássico, tão clássico, que foi o primeiro perfume a receber o nome de seu criador.


5. Em Guerra

O período durante a Segunda Guerra Mundial foi controverso para a estilista, e os problemas afetaram também seus negócios em 1939, quando ela teve que fechar sua loja. Mas, como nós bem sabemos, seu retorno aos negócios foi muito bem sucedido.


6. Os postes não são dela

A lenda diz que o Duque de Westminster estava tão loucamente apaixonado por Coco Chanel, que fez com que os postes de Londres recebessem a inicial de sua amada ao lado do seu “W”. Infelizmente, as iniciais que aparecem nos postes na verdade tem outro significado (City Council).


7. Fora de contexto

Apesar da designer ser conhecida por sua perspicácia, ao longo dos anos, a maior parte das suas citações está sendo distorcida. Isso sem falar nas inúmeras frases que ela não disse e são atribuídas à ela nas redes sociais.

 

*imagens: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Livro do dia: Diferente como Chanel

Hoje o livro do dia é totalmente voltado a fashionistas mirins, mas é irresistível para qualquer adulto!

Em Diferente como Chanel, as crianças podem conhecer a biografia da estilista que inovou em uma época em que, para estar na moda, as mulheres precisavam de luxo, pompa e espartilhos. O pretinho básico, uma de suas principais invenções, não saiu das ruas e das passarelas desde que foi criado, em 1926.

Livro Diferente como Chanel

O livro traz a trajetória da estilista francesa, da infância pobre no orfanato ao emprego em uma alfaiataria, até a abertura de sua primeira loja, financiada por um jovem aristocrata apaixonado. Nas ilustrações, Matthews deu vida a uma personagem quase caricatural, de silhueta esbelta, com o inseparável colar de pérolas e com a tesoura pendurada no pescoço. Ao final, há cronologia, bibliografia básica, foto da estilista e desenhos do poeta Jean Cocteau e do caricaturista Sem.

Livro Diferente como Chanel

Livro Diferente como Chanel

A tradução da edição brasileira foi feita por Clô Orozco, estilista e criadora das grifes Huis Clos e Maria Garcia.

Autora: Elizabeth Matthews

Editora: Cosac & Naify

*imagens: reprodução
Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Fatos curiosos sobre a moda

A história da moda é longa e cheia de momentos marcantes e eventos inesquecíveis, sempre haverá alguém em algum momento na história que tomará uma decisão fashion no mínimo curiosa pelos mais diferentes motivos.

Pesquisando por aí encontrei 18 desses fatos curiosos e compilei nesse post para vocês:

Fatos curiosos sobre a moda

1 – As calças caídas, usadas por muitos anos como elemento essencial do streetstyle tem origem nas prisões de Los Angeles, Califórnia, onde os presos eram proibidos de usar cintos.

Fatos curiosos sobre a moda2 – A invenção do carro influenciou a moda feminina nos anos 1900, a saias se tornaram mais curtas para facilitar que as mulheres entrassem nos carros com facilidade.

Fatos curiosos sobre a moda

3 – É possível produzir 215 pares de calça jeans com apenas um fardo de algodão.

Fatos curiosos sobre a moda

4 –  Existem cerca de 40 fashion weeks diferentes, em cidades diferentes ao redor do mundo durante o ano todo. As maiores continuam sendo as de Nova Iorque, Londres, Milão e Paris, chamados no mercado de Big Four.

Fatos curiosos sobre a moda

5 – A Era moderna do perfume começou em 1921 com o lançamento do Chanel No. 5, de Coco Chanel, a fragrância flora exótica foi criada por Ernest Beaux.

Fatos curiosos sobre a moda

6 – A primeira edição da revista Vogue foi publicada em 17 de dezembro de 1892.

Fatos curiosos sobre a moda

7 – O Crocodilo da Lacoste foi o primeiro logo de uma marca a aparecer em uma peça de roupa.

Fatos curiosos sobre a moda

8 – O sutiã foi criado por uma jovem socialite chamada Mary Phelps que, cansou de ver sua camisola aparecendo por baixo da roupa. Ela usou lenços de bolsos para criar o primeiro modelo rudimentar que foi patenteado em 1914. As mulheres do mundo todo amaram o primeiro sutiã, mais tarde uma mulher chamada Ida Rosenthal desenhou sutiãs com tamanhos de bojo diferentes.

Fatos curiosos sobre a moda

9 – Fashion designers dos anos 1500 exibiam seus designs costurando versões no tamanho de bonecas que usavam em seus “desfiles”.

Fatos curiosos sobre a moda

10 – As noivas se casam de branco por causa de Napoleão e Josefina, que pediram que as roupas para a coroação fossem confeccionadas em branco, para indicar pureza, no momento da coração eles revelaram ao papa que ainda não estavam casados, assim oficializaram a união com as roupas da coroação. O fato se transformou em hábito, antes disso as pessoas se casavam com roupas de qualquer cor.

Fatos curiosos sobre a moda

11 – Os pijamas tem bolso por causa dos faraós, que eram mumificados com os pijamas, no bolso esquerdo era colocado um escaravelho, considerado sagrado, que simbolizava a morte e o renascimento. 6 mil anos depois o pijama continua tendo bolso e ele continua sendo feito do lado esquerdo.

Fatos curiosos sobre a moda

12 – A primeira a aparecer publicamente vestindo calças foi a atriz alemã Marlene Dietrich, nos anos 20.

Fatos curiosos sobre a moda13 – O salto Anabela feito de cortiça surgiu em 1936 durante a 2ª Guerra Mundial. Salvatore Ferragamo, percebendo a escassez de matéria prima se apropriou de rolhas velhas de vinho para produzir os saltos.
Fatos curiosos sobre a moda
14 – As saias são a segunda peça mais antiga de roupa do vestuário na história da moda, mais velha do que ela somente as túnicas feitas com pele ou couro animal.

Fatos curiosos sobre a moda

15 – Os primeiros artigos do vestuário não eram costurados, eram unidos ao corpo com laços ou nós, por causa disso não saiam facilmente, uma prova de que as roupas eram artigos utilitários e não de estilo.

Fatos curiosos sobre a moda

16 – Na Roma antiga, roxo era uma cor de muito valor, era tão importante que havia uma lei que impedia que pessoas que não fossem imperadores e suas famílias de usar roupas dessa cor.

Fatos curiosos sobre a moda

17 – 6. Uma típica mulher nobre Elizabetana sempre usava dez ou mais itens de roupa de uma vez, o homem Elizabetano também.

Fatos curiosos sobre a moda

18 – A fibra Rayon foi inventada em 1880 como uma substituta mais barata para seda.

Quanto mais eu pesquisei, mais fatos curiosos eu encontrei, então é bem provável que esse post receba uma seqüencia.

Em breve!

*imagens: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Keira Knightley será Coco Chanel

A biografia de Coco Chanel já foi tema de livros, programas de TV e de filmes. Com tantas versões para uma só história, será que há necessidade de mais uma?

De acordo com Karl Lagerfeld, o centenário da marca Chanel merece pelo menos um curta!

Keira Knightley

Keira Knightley

O estilista dirigirá o curta, que conta com a inglesa Keira Knightley interpretando Coco Chanel. O mini-filme será revelado no dia 08 de maio, no Raffles Hotel, onde Karl também revelará sua Cruise Collection 2014.

*imagens reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.