Vintage ou retrô?

Dia desses fui numa loja e departamento e achei lá uma bolsa lindíssima, com uma alça no interior, porém não havia onde encaixar essa alça! Fiquei chocada e fui conversar com uma das atendentes, a resposta foi: A bolsa é assim mesmo, o design dela é vintage.

Depois do estado de choque fiquei pensando sobre o uso indiscriminado da palavra vintage, e me questiono, as pessoas sabem o que essa palavra significa?

E retrô? Ta aí outra palavra usada indiscriminadamente!

VIntage ou Retrô?

Mas vintage e retrô, tem diferença?

Eu vi por aí, inclusive em alguns blogs de moda, uma referência meio solta de por que e como os termos são usados. Algumas acertaram na mosca.

Mas eu queria uma resposta com mais definição, dei uma fuçada em alguns blogs de decoração para encontrar uma resposta, afinal os decoradores usam esses termos há mais tempo.

VIntage ou Retrô?

Veja só o que achei:

Vintage e retrô são dois termos com muitos significados sobrepostos. Para algumas pessoas eles são definidos de forma específica, para outras pessoas os dois termos podem ser usados de forma a ter mais de uma significado.

A definição do vintage é primeiramente relacionada a vinhos, e é uma palavra alterada do francês,vendage, que significa “uvas colhidas durante uma temporada”. Um definição secundária seria “o período de origem ou de manufatura”, ou ainda, “tempo de existência”.

Uma definição mais simples seria que um objeto é descrito como vintage quando ele representa o período em que ele foi produzido. Vintage pode significar que um item é de um certo período de tempo, ou ainda (e provavelmente quase sempre) que o objeto apresenta qualidades associadas ou pertencentes a uma época especifica. Também é importante lembrar que a palavra vintage não deve ser usada para descrever objetos com menos de 20 anos de idade.

Já o termo retrô é diretamente relacionado a ter a aparência de algo do passado. Por exemplo, um vestido retrô não precisa necessariamente ser antigo, pode sim fazer referência ao estilo do passado recente. Retrô também pode exemplificar algo que não é muito antigo, mas é antigo o suficiente para não ser considerado apenas como um item ultrapassado.

Simplificando, vintage é antigo de verdade, já o retrô tem aparência de antigo mas não precisa necessariamente ser antigo.

Ah, e se vocês curte imagens vintage, lá na nossa página no Facebook sempre tem fotografias lindas da primeira metade do século passado –> fb.com/OCabideOficial

*imagens: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *