Bow ties were never cooler

Quem me conhece sabe que eu gosto muito de séries de TV, e que eu acompanho várias, de vários gêneros diferentes. Algumas eu assisto com veemência, outras eu assisto quando dá.

Recentemente decidi assistir novamente, desde o começo (a partir do 9º), a série Doctor Who, que eu sempre gostei, mas de maneira mais moderada (fãs de Doctor Who são intensos!). Durante essa maratona de 7 temporadas me apaixonei pela série, talvez agora fosse um momento mais propício na minha vida para me envolver com a história e com os seus personagens.

Doctor Who - Matt Smith

Por isso, foi bem difícil receber a notícia de que Matt Smith, a décima primeira versão do Doctor, estaria deixando a série. Foram 4 anos e 3 temporadas incríveis. A interpretação de Matt para o Doctor foi uma das mais viscerais, não à toa ele foi indicado a um BAFTA.

Eu adorei o Matt, as temporadas com ele me trouxeram várias emoções diferentes, e é bem difícil resistir a sua beleza tão maravilhosamente esquisita!

Doctor Who - Matt Smith

Não consegui encontrar uma forma melhor de homenageá-lo do que analisando o figurino que ele usou durante essas 3 temporadas.

Acho que esse foi o meu jeito de trazer Doctor Who para o universo da moda. ?

Doctor Who - Matt Smith

Cada encarnação do Time Lord usou um figurino diferente, Tom Baker, o quarto Doctor, usava um cachecol listrado que ainda é muito citado como referência a série. Para Matt Smith não seria diferente, ele usa um casaco de tweed com reforços de camurça no cotovelo, uma camisa que parece ter sido escolhida aleatoriamente (mas não foi), suspensórios, calças pretas, retas e justas com as barras dobradas e botas. Para fechar a composição do personagem com chave de ouro, o seu signo mais marcante, aquilo que servirá para sempre como referência ao Doctor de Matt, uma espécie de referência atualizada da série e de toda sua franquia: a gravata borboleta!

Considerando a escolha de figurino para nossa época, acho que tudo acabou sendo meio hipster, as peças de aspecto vintage deram um ar meio steampunk para o Doctor.

Essa não foi a primeira vez que um Doctor usou gravata borboleta, Jon Pertwee, que interpretou o Doctor de 1970-1974, usava gravata borboleta também, assim como seu predecessor, Patrick Troughton (1966-1969).

Mas elas só são cool no Matt Smith!

Doctor Who - Matt Smith

Uma coisa que é preciso ser mencionada sobre a escolha desse figurino é que, Matt Smith foi o ator mais jovem a interpretar o Doctor, ele tinha 26 anos quando entrou na série. Elementos como os que foram escolhidos para compor o figurino do 11° contrastam propositalmente com a sua aparência jovem, justamente para conferir maturidade ao personagem, assim ele aparenta ser professor e aluno ao mesmo tempo.

Essa versão sartorialista do Doctor foi criada por Ray Holman e Piers Wenger, o figurinista e o produtor da série, respectivamente. Em entrevista ao site SXC eles falaram um pouco mais sobre a construção dessa imagem e como até o próprio Matt acabou envolvido com as escolhas que foram feitas.

Resumi (e traduzi) alguns dos pontos que considerei importantes:

“Durante a transformação, Matt usa o figurino de David, ele começa seu primeiro episódio com as roupas do 10°, como estávamos presos ao roteiro tentamos criar uma versão das roupas de David para Matt. As roupas foram testadas e rasgadas tantas vezes que acabaram dando origem ao apelido Raggedy Doctor. Nesse episódio o Doctor tem 20 minutos para salvar o mundo, e é nesses 20 minutos que ele termina sua regeneração e escolhe suas roupas, nós vemos isso acontecer durante as últimas cenas do episódio.

Doctor Who - Matt Smith

Matt queria fazer parte do processo de transformação do 11°, assim como queria ajudar a escolher um figurino no qual ficasse completamente confortável.

Nós tivemos que passar por toneladas de roupas, tiramos centenas de fotos do Matt. Já tínhamos certos elementos do figurino escolhidos, nós sabíamos que queríamos as botas, já tínhamos a calça, a camisa e alguns modelos diferentes de jaquetas, mas quando ele vestiu o casaco de tweed pensamos: É isso!

O Matt é alto, fica bem com vários tipos de roupas, daí colocávamos um casaco nele e pensávamos: Isso ficou cool porque é para o Doctor, ou por causa do estilo e pose do Matt?

Doctor Who - Matt Smith

Nós não tínhamos certeza se queríamos uma camisa ou camiseta, se seria algo com o colarinho aberto ou se ele iria usar uma gravata. Foi Matt quem disse “Posso experimentar uma gravata borboleta?” – nós não imaginávamos que aquilo daria certo.

Eu coloquei a gravata nele, dei um passo para trás e disse: Wow!

Olhamos e tivemos aquela sensação de missão cumprida.

Como Matt se sentiu tão bem com o figurino, não mudamos muita coisa durante a série, só a gravata borboleta, geralmente os suspensórios combinam com a gravata e a gravata combina com a camisa.

Sobre a origem de cada peça, as botas foram feitas sob medida, escolhidas com base num par de botas que eu gostava e que coincidentemente o Matt já usava. As calças eu comprei, a camisa também é comprada, mas é edição limitada, e as gravatas borboletas são de uma loja vintage. O casaco que ele acabou usando foi feito especialmente para o personagem, mas é baseado em um modelo vintage também. As gravatas são dos anos 1960, o primeiro casaco de tweed que o Matt experimentou também era dessa década.

Nós nunca tivemos uma ideia formada sobre como queríamos o Doctor, nós pesquisamos muito até ficar claro que Matt estava se transformando no que precisava para interpretar o papel.

Doctor Who - Matt Smith

O David era um Doctor muito cool, com seus tênis Converse e seu terno de vocalista de banda indie. Mas com o Matt foi diferente, porque sua versão do Doctor se acha muito cool, mas não é. Durante toda a série as pessoas questionam seu estilo e o que ele veste. Ninguém acha que ele é cool, e isso aconteceu por acaso, mas funcionou bem para o personagem.

O figurino acabou se tornando algo marcante, se você ver essas roupas sem a presença do Matt, você sabe que se trata do Doctor, você reconhece a silhueta mesmo que o rosto dele não apareça.

Durante essa mesma entrevista Matt falou sobre o figurino:

“Precisava ser uma extensão de mim, nós tínhamos provas que duravam horas. Originalmente eu ia vestir uma jaqueta de couro preta ou um tipo de casaco de pirata azul. Mas eu estava lendo muito Einstein na época e insisti muito para que o elemento “professor” aparecesse, pois faz parte das referências que utilizei para me preparar para o personagem.”

Em um outro trecho da entrevista Matt fala que gostaria muito que o figurino incluísse um casaco mais pesado, pois sentia muito frio só com o tweed, e ele ganhou um nessa última temporada, quando o figurino do Doctor foi renovado pelo figurinista Howard Burden. Ele falou também que gostaria de usar um chapéu, e nós o vimos usando um Fez, uma cartola e um chapéu de cowboy durante a série. Isso não só mostra o nível de envolvimento do Matt, como também a necessidade de ouvir o ator para construir o figurino.
Doctor Who - Matt Smith

Deu para ver o quão longo é processo para construir uma imagem, né? São muitas as etapas de produção até chegar naquele resultado com o qual nos identificamos tanto e que nos diz tanto sobre o personagem.

Agora é só esperar ansiosamente pelas últimas participações de Matt na série, com o especial de 50 anos, que vai ser incrível, e com o próximo especial de Natal.
Não vou pensar no novo Doctor, as especulações estão me matando! Vou apenas torcer para que ele seja tão talentoso quanto o Matt, que substituiu o David Tennant com tanta graça e com tanta intensidade.

*imagens: reprodução

Fundadora e editora do O Cabide, formada em moda, fotógrafa iniciante, apaixonada por figurinos e história da moda. Futura jetsetter, feminista, gayzista, abortista, gorda, patrona do amor próprio e entusiasta da maquiagem para beleza e para a arte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *